Portal de Conferências da UFSC, 8º Congresso UFSC de Controladoria e Finanças

Tamanho da fonte: 
O Processo Orçamentário sob a Ótica Contingencial: Um Estudo de Caso em uma Empresa Cerâmica de Santa Catarina
Mourtala Issifou, João Henrique Costa, Carlos Eduardo Facin Lavarda

Última alteração: 2019-12-20

Resumo


Uma das teorias organizacionais objeto de estudo na área contábil que vem sendo relacionada aos instrumentos gerenciais, inclusive o orçamento, em diversas pesquisas, é a Teoria Contingencial, que tem como fatores contingenciais variáveis internas e externas, como o ambiente, tecnologia, estrutura, tamanho e estratégia. O presente estudou objetivou identificar os fatores contingenciais que influenciam o processo orçamentário de uma empresa de ramo cerâmico do Estado de Santa Catarina. Para o atingimento deste objetivo, foi realizado uma pesquisa descritiva, com abordagem de cunho qualitativa, por meio de um estudo de caso, com utilização de questionários e entrevistas semiestruturadas com sete empregados envolvidos diretamente no processo orçamentário da organização objeto de estudo. Trata-se de uma empresa de porte médio-grande. Os respondentes destacaram que tem grau moderado de delegação de autoridade nas tomadas de decisões da empresa. Os achados indicam ainda que a empresa está inserida em um ambiente estável e com mudanças lentas e previsíveis. Além disso, foi reportado que ela usa com grau moderado a tecnologia, e ela está presente nas rotinas organização. Por fim, afirmam que os atributos do sistema orçamentário estão muito presentes na empresa e com maior nível de solidez, enfatizando que a empresa é capaz de gerir informações fidedignas diariamente e que o orçamento utilizado é por atividades. Conlui-se também que os achados deste estudo corroboram os resultados de estudos anteriores que relacionaram variáveis contingenciais com o sistema orçamentário.

Palavras-chave


Processo Orçamento; Teoria Contingencial; Setor Cerâmico

Texto completo: PDF